01
Pinóquio (Foto: Imagem da internet-crédito ao autor)

Hoje é 1º de abril, conhecido com o Dia da Mentira. Sendo assim, o Plamurb vai entrar na brincadeira, porém, descrevendo algumas mentiras que são ditas ao longo do ano como sendo verdades absolutas. Muitas dessas mentiras são ditas por desconhecimento, porém, existem aqueles que gostam de proferir tais inverdades, mesmo sabendo a realidade, unicamente por ideologia ou opinião engessada.

Vejam bem, não se trata se insinuar que quem tem algum ponto de vista semelhante aos tópicos abaixo seja mentiroso. Como já dissemos, muitas vezes é a falta de informação ou opinião alinhada ao senso comum e isso sim a gente repudia, mesmo porque, muitos de nossos textos já desvendaram tais “verdades”. Levem mais para o lado do humor. Vamos lá.

  • Trólebus é um meio de transporte obsoleto e que só existe em países subdesenvolvidos;
  • É impossível ter progresso sem degradação ambiental;
  • Saneamento básico não está envolvido com a saúde das pessoas;
  • A falta de boas condições de mobilidade urbana não impacta na economia;
  • A Linha 4-Amarela não falha e é a melhor linha porque é privada;
  • Privatizar (ou conceder) serviços públicos essenciais e de cunho social é a garantia de uma grande melhoria no serviço;
  • Em países de primeiro mundo não existe empresa pública que opera serviços de transporte ou saneamento básico;
  • Reduzir as velocidades das vias não reduz os acidentes;
  • A CPTM é deficitária;
  • O Metrô não tem mais condições de operar suas linhas;
  • O setor privado não pode contribuir com a melhoria da mobilidade urbana;
  • A EMTU fiscaliza as empresas de ônibus na RMSP e pune, quando necessário;
  • Faixas exclusivas para ônibus e ciclofaixas tiram o espaço dos carros nas ruas;
  • A solução para a mobilidade urbana está apenas no sistema sobre trilhos;
  • O serviço de ônibus de São Paulo é ruim por exclusiva culpa da prefeitura (ou SPTrans);
  • Os piscinões resolvem os problemas das enchentes;
  • Para melhorar o problema com o excesso de linhas no bairro de Santana, é necessário ampliar ou construir um novo terminal;
  • A desativação parcial do sistema trólebus não foi uma decisão política;
  • A Supervia não melhora o serviço por culpa da omissão do governo estadual;

Além dessas mentiras acima, há algumas mais novas e que são vendidas como verdades incontestáveis, principalmente por parte dos políticos. Acompanhem:

  • O Trem regional para Campinas será altamente competitivo em relação ao modal rodoviário;
  • A Linha 18-Bronze em BRT será melhor para os moradores do ABC;
  • Conceder linha por linha sobre trilhos reduzirá os custos para os cofres do Estado;
  • Se privatizar os serviços de balsas da Dersa, a qualidade irá aumentar;
  • Ônibus elétrico a bateria é a melhor alternativa ao trólebus;
  • O Parque Minhocão vai revitalizar a região da Santa Cecília e todo seu entorno;

Enfim, tais tópicos acima são polêmicos, porém, na maioria das discussões vêm recheados de ideologia e falta de embasamento e aí fica difícil ter um debate sadio.